Os 8 melhores alimentos para saúde

1- Óleo de coco

Óleo de cocoO óleo de coco reúne diversos benefícios a saúde. Ele é indicado para qualquer tipo de pessoa.

Para se beneficiar do óleo de coco você não precisa necessariamente ingeri-lo. Muitas pessoas o utilizam por razões estéticas e para melhorar a saúde da pele. Ele é um ótimo massageador para todos os tipos de pele. O óleo de coco não apresenta nenhum efeito colateral para a pele.

Para quem tem o objetivo de emagrecer e queimar gordura, o óleo de coco é ótimo porquê ajuda a reduzir o apetite. Vários estudos já demonstraram que consumir óleo de coco ajuda o corpo a consumir menos calorias do que o habitual. E a longo prazo, uma dieta rica em óleo de coco pode impactar fortemente o peso corporal.

Além disso, o óleo de coco é ótimo para queimar gordura porquê é um alimento termogênico. Caso você não saiba, alimentos termogênicos são aqueles que apresentam dificuldade em ser digeridos pelo organismo, fazendo com que esse consuma maior quantidade de energia para realizar a digestão.

2- Ovo

OvoMuitos se falavam que o consumo de ovo pode aumentar o colesterol, porém a ciência moderna já comprovou em inúmeros estudos que isso é mentira.

O fato é que o ovo reúne diversos nutrientes essenciais para a saúde. Os nutrientes da gema complementam o que a clara oferece. Para quem faz dieta, o ovo agrega às porções de carne e frango semanais.

O ovo é uma excelente fonte de vitaminas A, D, E e B12, que fazem bem aos olhos, pele, ossos e memória. As vitaminas e os sais minerais estão contidos na gema que também está a colina e vitaminas do complexo B que está relacionada a melhora das funções cerebrais.

Além disso, o ovo é rico em proteínas de qualidade. A quantidade não é suficiente para um dia, mas é uma excelente fonte ao longo da dieta. A clara do ovo contém albumina, uma proteína que ajuda no desenvolvimento muscular.

A parte branca do ovo ainda possui nove aminoácidos essenciais, tornando-a aliada para o aumento de massa muscular e contribuir na recuperação.

3- Canela

CanelaA canela é um alimento que contem propriedades que melhoram a saúde em um todo. Ela é um excelente viagra natural porquê é afrodisíaco, com isso o consumo da canela ajuda melhorar a circulação sanguínea, aumentando a sensibilidade e o prazer, o que também favorece o contato sexual.

A canela também ajuda melhorar transtornos digestivos como gases, problemas espasmódicos e para tratar a diarreia devido ao seu efeito antibacteriano, antiespasmódico e anti-inflamatório.

Além disso, a canela também pode combater infeções das vias respiratórias ela tem um efeito secante nas mucosas e é um expectorante natural.

4- Alho

AlhoPouco se falam do alho para a saúde, mas o alimento é muito importante por causa dos seus nutrientes e capacidade de fortalecer o sistema imunológico, ajudando o corpo a combater doenças.

Por ter propriedades anticoagulantes, o alho não deve ser consumido em excesso por mulheres grávidas, pessoas que já sofrem com problemas de coagulação (como os hemofílicos) ou quem passará por cirurgia em breve.

Por outro lado, o alho é um antibiótico natural que pode até substituir o uso de medicamentos. Resfriados e gripes, por exemplo, não resistem ao bom e velho chá de alho com gengibre, mel e limão.

5- Couve

CouveA couve é um alimento que reúne em proporção adequada o cálcio e magnésio. O cálcio precisa do magnésio na medida certa para conseguir exercer suas funções; entre elas, formar a massa óssea.

Só para se ter uma ideia, o leite de vaca tem nove vezes menos magnésio e três vezes mais cálcio do que a proporção necessária. Isso faz com que o cálcio do leite tenha dificuldade de se fixar no nosso esqueleto. Esse desequilíbrio aumenta o risco de perda de massa óssea, daí o risco da osteoporose.

Outro benefício da couve é reduzir o inchaço e melhora a textura da pele, principalmente da acne. É rica em vitamina A (RE), que age como um antioxidante. Os antioxidantes são responsáveis por combaterem os radicais livres que estão associados ao envelhecimento precoce da pele.

6- Quinoa

QuinoaPara quem tem intolerância ao glúten, a quinoa é ótima, pois o alimento não possui glúten. Várias organizações públicas têm recomendado quinoa como um substituto para o trigo, sempre que é necessário evitar a ingestão desta proteína. Por esta característica e também pela facilidade em ser digerida, a quinoa também se tornou um alimento indicado na dieta de crianças e bebês.

Além disso, a quinoa pode fornecer gordura monoinsaturada saudável para o coração através do seu teor de ácido oleico, bem como de ômega 3. Uma vantagem da quinoa sobre os outros grãos que possuem gordura monoinsaturada é que a maioria deles perde seus ácidos graxos saudáveis quando cozidos, mas os nutrientes da quinoa se mantêm mesmo depois de fervidos.

7- Salmão

SalmãoO salmão tem como principal nutriente o ômega 3. Esse nutriente é considerado um ácido graxo chamado essencial e que, portanto, não é capaz de ser sintetizado pelo organismo e precisa ser obtido por meio da alimentação.

O ômega 3 possui ação importante no funcionamento das membranas das células da retina, estando o seu baixo consumo associado à diminuição da acuidade visual e degeneração macular.

O ômega 3 também ajuda melhorar a sinalização da insulina, mantendo assim melhor o controle da glicemia (açúcar no sangue) reduzindo, consequentemente os riscos de desenvolvimento do diabetes mellitus tipo 2 fator que, junto ao controle do colesterol, contribuiria na melhora de alguns componentes da síndrome metabólica.

8- Tomate

TomatevO tomate é um fruto rico em licopeno, um agente antioxidante e anticancerígeno que intervém nas reações em cadeia das moléculas de radicais livres.

Um detalhe importante do fruto é que ele está associado a índices reduzidos de câncer de pâncreas, cervical e próstata. Além disso, o tomate ajuda a combater doenças cardiovasculares porque tem antioxidantes que ajudam a manter os vasos sanguíneos saudáveis.

O tomate também é ótimo em qualquer dieta porque cada tomate tem apenas 25 calorias, e tem propriedades diuréticas, além de muita água e vitamina C que melhora o sistema imune e a absorção do ferro nas refeições.